18 de jan de 2009

XOKXOP PENÃHÃ



A Pajé Filmes inicia o ano de 2009 realizando uma obra de significado especial. Zezinho Maxakali, que já havia perdido o olho esquerdo, nos últimos anos desenvolveu catarata no olho restante. Em estágio avançado, o problema já não lhe permitia enxergar mais.
No último dia 14, Zezinho veio a Belo Horizonte para a realização de uma cirurgia através do SUS que lhe possibilitaria voltar a enxergar. Para comemorar o sucesso da operação, ele manifestou o desejo de filmar algo para mostrar às crianças e parentes quando voltasse à aldeia.
Zezinho contou que em 1973 visitou pela primeira vez o Jardim Zoológico de Belo Horizonte. Cego, lembrava-se dos animais e achava que nunca mais os veria. Quando perguntado sobre o que gostaria de filmar para mostrar na aldeia, o escolhido
foi o zoológico .
No filme, falado em Maxakali, Zezinho apresenta o Jardim Japonês, fala da onça pintada, do elefante, da girafa, de cobras e jacarés. Além do gorila Idi Amim.
O filme de Zezinho, intitulado "Xokxop Penãhã" (que em Português daria algo como "Ver os Animais" ou "Olhar os bichos") é uma comemoração do ato de ver.
Clique no link para assistir trailer do filme: http://www.youtube.com/watch?v=6I1sm7Ijk7E

2 comentários:

Ivan disse...

muito legal charles... deois você passa o filme pra gente!

Ivan

Luciano Marcos disse...

Parabéns pela iniciativa e pela sensibilidade de todos vocês e do Zezinho. Gestos como este nos animam a somar com a causa indígena e por um mundo melhor para todos. Abraços,
Luciano Marcos - jornalista/indigenista do Inst. Dom Luciano de Promoção da Causa Indígena-BH