11 de mai de 2017

Konãgxeka no Sesc Palladium, em Belo Horizonte



Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali está na programação da mostra Cinema: território ameríndio, a se realizar de 16 a 31 de maio, no Sesc Palladium, em Belo Horizonte.
"A mostra traz a Belo Horizonte 36 produções entre curtas, médias e longa metragens, exemplares da recente produção cinematográfica realizada por diferentes cineastas e coletivos audiovisuais de diversas etnias e produzidos em diferentes lugares do Brasil."
A entrada é gratuita. E os ingressos devem ser retirados na bilheteria do Sesc Palladium 30 minutos antes da sessão.
Konãgxeka será exibido em duas sessões: no dia 21/05, às 19:30, e no dia 26/05, às 18:00.
A programação completa do evento, bem como outras informações, podem ser conferidas no link abaixo:
http://www.sescmg.com.br/wps/wcm/connect/08d03eea-f6f0-47da-9741-c32b3f33cf3c/press_cinema_maio_livreto_100x150mm_site.pdf?MOD=AJPERES

10 de mai de 2017

Menção Especial para Konãgxeka na Espanha



Temos a satisfação de informar que nosso filme de animação Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali recebeu a 3ª Menção Especial do Júri para o "PRÊMIO DE LA CRÍTICA DE ABC AL MEJOR CORTO NO ESTRENADO EN ESPAÑA" (Prêmio da Crítica do ABC ao Melhor Curta não Estreado na Espanha) na sétima edição do Festival Iberoamericano de Cortometrajes ABC (FIBABC), que aconteceu de 16 de fevereiro a 10 de maio na Espanha.
Depois de ter sido um dos mais votados pela audiência, via internet, Konãgxeka foi à final e acabou sendo escolhido pelo Júri em sua categoria.
A lista completa de premiações pode ser conferida no link:
http://fibabc.abc.es/palmares/

9 de mai de 2017

Konãgxeka no Cine Kurumin na Bahia



Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali foi selecionado para a sexta edição do Cine Kurumin - Festival de Cinema Indígena, que acontecerá em Salvador, e em várias aldeias, na Bahia. 
De um total de 155 produções com temática indígena, originárias do Brasil e de países da América Latina, América do Norte e Europa, foram selecionadas 60 filmes para exibição e debate.
Maiores informações e lista completa dos filmes selecionados, no site:

8 de mai de 2017

Konãgxeka na lista dos melhores do FIBABC



Nos alegra informar que Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali está em duas listas de seleção dos melhores curtas do Festival Iberoamericano de Cortometrajes ABC - FIBABC, evento que acaba de ser encerrado na Espanha.
Para conferir as listas, basta clicar nos links abaixo.
Os dez melhores curtas recebidos da América:
As dez melhores animações da Iberoamérica:



24 de abr de 2017

Konãgxeka é finalista na Espanha.



Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali segue concorrendo ao prêmio de 1.000 Euros no Festival Iberoamericano de Cortometraje ABC - FIBABC, na Espanha.
Depois de 60 dias concorrendo em votação na Internet com cerca de 1.000 filmes do mundo inteiro, Konãgxeka foi selecionado para a fase final na categoria MEJOR CORTO DE AMÉRICA LATINA.
Cabe agora ao júri do Festival decidir.
Para conferir a lista de selecionados do FIBABC, basta acessar o link abaixo:
http://fibabc.abc.es/finalistas/


18 de abr de 2017

Pajé Filmes no jornal O Tempo: O cinema ancestral da aldeia



Matéria de hoje no jornal O Tempo destaca trabalho da Pajé Filmes: "Todos os filmes são feitos na língua Maxakali e, posteriormente, legendados para o português, espanhol e inglês, já que são exibidos em vários cantos do mundo em festivais e mostras de cinema, além do Brasil. Mas quando se fala em linguagem, não se trata apenas de idioma. Se trata da maneira de apresentar o registro, como no filme Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali (2016), uma animação sobre o dilúvio na visão dos Maxakalis (um castigo enviado pelos espíritos yãmîy por causa do egoísmo e da ganância dos homens), feito em parceria com Charles Bicalho, da produtora Pajé Filmes."

13 de abr de 2017

Konãgxeka em Chicago, Illinois



Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali está na seleção de um dos mais importantes festivais de filmes indígenas dos Estados Unidos. Trata-se do First Nations Film and Video Festival, evento que acontece de 2 a 10 de maio, em Chicago, no estado de Illinois.
O programa completo do Festival pode ser acessado no site:

Konãgxeka: Menção Honrosa na Mostra SESC de Cinema



Com muita satisfação comunicamos que nosso filme de curta-metragem em animação Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali recebeu o prêmio de Menção Honrosa na etapa estadual da Mostra SESC de Cinema.
A cerimônia de premiação aconteceu ontem, 19:30, no SESC Palladium em Belo Horizonte.
Com esta Menção, já são cinco prêmios concedidos a Konãgxeka.

10 de abr de 2017

Konãgxeka na Albânia



Com alegria informamos que Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali está entre os 60 filmes selecionados do mundo inteiro para participar do Environment Film Festival Albania (EFFA).
Promovendo e divulgando filmes de caráter ambiental, o Festival acontecerá na Albânia entre os dias 21 e 27 de maio.
O EFFA é organizado pelo Ministério do Meio-Ambiente da Albânia e pela Delegação da União Europeia para a Albânia, em colaboração com Embaixadas e ONGs. E faz parte da Green Film Network (http://greenfilmnet.org/), uma associação que congrega alguns dos maiores festivais cinematográficos do mundo com foco em questões ambientais.
"Ecology, culture, economy, migrations, wars and social issues, among many others, are the essence of why this festival is created by aiming to share and exchange common and future concerns."
Maiores informações sobre o festival, no site:

31 de mar de 2017

Konãgxeka na Caixa Cultural do Rio de Janeiro



Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali foi selecionado e será exibido em duas sessões na Mostra Corpos da Terra - Imagens dos Povos Indígenas no Cinema Brasileiro. De 4 a 16 de abril, na Caixa Cultural do Rio de Janeiro, acontece a exibição de 39 títulos de filmes que abordam as mais diferentes relações e discussões do cenário indígena. Além de filmes, a mostra conta também com debates e rodas de conversa.

Programação completa:

28 de mar de 2017

Konãgxeka concorrendo a prêmio no FIBABC na Espanha



Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali foi pré-selecionado como finalista na categoria de CORTOS NO ESTRENADOS EN ESPAÑA no Festival Iberoamericano de Cortometrajes ABC (FIBABC).
O filme concorrerá ao Premio de la Crítica de ABC al Mejor Corto No estrenado en España. A este prêmio concorrerão curtas de qualquer nacionalidade ou gênero na Fase de Competición de la VII Edición del FIBABC (16 DE FEBRERO de 2017).
Para assistir e votar em Konãgxeka, basta acessar o link abaixo:

21 de mar de 2017

Konãgxeka na II Mostra Indígena de Filmes Etnográficos do Ceará



Com alegria informamos que Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali foi selecionado pela comissão de curadoria da II Mostra Indígena de Filmes Etnográficos do Ceará
O evento acontecerá de 06 a 08 de abril de 2017 e será encerrado com a celebração ritual tradicional do Marco Vivo, dia 09 de abril, na aldeia Lagoa Encantada, Área Indígena Jenipapo-Kanindé, no município de Aquiraz, no Ceará.  
Maiores informações no perfil do evento no Facebook:

15 de mar de 2017

Konãgxeka na Plana em São Paulo



Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali está na programação do Plana Festival Internacional de Publicações de São Paulo.
Konãgxeka será exibido e debatido no sábado, dia 18/03, às 17 h.
A programação completa do Festival pode ser conferida no link:
http://feiraplana.org/programacao-lineup

13 de mar de 2017

Konãgxeka em Ontário no Canadá



Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali foi selecionado para o Indigenous Awareness Week Film Festival, evento promovido pelo Indigenous Services Student Development Centre da Western University em Ontário, no Canadá, de 20 a 25 de março.
Maiores informações no site:

10 de mar de 2017

Konãgxeka na Mostra SESC de Cinema





Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali está na seleção da Mostra SESC de Cinema. Konãgxeka está na Mostra Estadual, de onde sairão os indicados para segunda fase de seleção, para compor a Mostra Nacional.
Para conferir as listas de filmes selecionados por estado, basta acessar: 

6 de mar de 2017

Konãgxeka no III Fronteira, em Goiânia



Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali está na seleção do III FRONTEIRA - FESTIVAL INTERNACIONAL DO FILME DOCUMENTÁRIO E EXPERIMENTAL, um festival "que se dedica a filmes que resistem a formas predominantes da linguagem cinematográfica, questionadores de visões pré-fabricadas de mundo e que oferecem novas formas de ver, pensar e perceber a realidade."
Konãgxeka estará na MOSTRA COMPETITIVA INTERNACIONAL DE CURTAS-METRAGENS do Festival.
Realizado pela Barroca Produções Artísticas e Cinematográficas, a terceira edição do Fronteira acontecerá em Goiânia de 16 a 25 de março de 2017.
Programação completa e outras informações no site:
http://www.fronteirafestival.com/pt/noticia/241/selecionados-mostra-competitiva

2 de mar de 2017

Konãgxeka no Cine Ambiente em Foco



Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali será exibido no Museu Inimá de Paula no dia 16/03, quinta-feira, em sessão comentada por Ana Beatriz Mascarenhas e Cláudio Costa Val, de 14 às 17 h., no Cine Ambiente em Foco, evento promovido pelo Centro de Extensão em Meio Ambiente da Prefeitura de Belo Horizonte. Maiores detalhes no cartaz ou no site:
http://portalpbh.pbh.gov.br/pbh/ecp/comunidade.do?evento=portlet&pIdPlc=ecpTaxonomiaMenuPortal&app=meioambiente&tax=24082&lang=pt_br&pg=5700&taxp=0&

22 de fev de 2017

Konãgxeka no Monstra, em Lisboa, Portugal



Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali será exibido no Monstra, em Lisboa, Portugal.
Graças a uma parceria entre o festival português e o brasileiro Animaldiçoados, Konãgxeka será exibido na sessão "Terroranim".

Maiores informações, como a programação completa, podem ser acessadas no site:
http://www.monstrafestival.com/terroranim/

21 de fev de 2017

Konãgxeka: a produção de um filme de animação indígena em Minas Gerais



Já está disponível nos Anais do III Seminário de Pesquisas em Artes, Cultura e Linguagens, nas páginas 299 a 310, o artigo "KONÃGXEKA: A PRODUÇÃO DE UM FILME DE ANIMAÇÃO INDÍGENA EM MINAS GERAIS", de autoria de Charles Bicalho, sobre a gênese e a produção do filme de curta-metragem Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali.
O Seminário é promovido pelo Instituto de Artes e Design (IAD) da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) e sua terceira edição aconteceu de 28 a 30 de novembro de 2016.


A artigo pode ser acessado no link:
https://artesculturalinguagens.files.wordpress.com/2016/09/spacl_2016_anais.pdf

Konãgxeka em Oklahoma, Estados Unidos



Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali será exibido e debatido na quinta edição do Native Crossroads Film Festival and Symposium. Com o tema "Bodies in Motion", o Native Crossroads Festival é promovido pelo Departamento de Estudos em Filme e Mídia da Universidade de Oklahoma, no estado de Oklahoma, no Estados Unidos, em 7 e 8 de abril.

"Native Crossroads is a unique film festival and symposium that focuses on international Indigenous media. The event puts academics, media creators, and community and tribal organization representatives into dialogue to advance our discussions in all these fields. At once entertaining, scholarly, and educational, each year’s event explores particular themes of pressing importance to Native people, globally and locally. Through the generous support of our many sponsors, all events are free and open to the public."

"For two days, Native Crossroads will feature the best new Indigenous cinema from around the world. The films will explore themes from biopolitics and sovereignty to football and healing."

Maiores informações, no site do Festival: http://www.nativecrossroads.org/

6 de jan de 2017

Konãgxeka em Valparaiso, Chile



Konãgxeka: o Dilúvio Maxakali foi selecionado para o VIII Festival de Cine de los Pueblos Indigenas de Valparaiso, no Chile.
O Festival acontece de 9 a 14 de janeiro na Universidad de Valparaíso.
Konãgxeka será exibido na sala Rubén Dario, no dia 13 de janeiro.
Maiores informações no link abaixo:
http://elcineotro.blogspot.com.br/